Boas Novas 

“Cuca” dá sequência ao Festival de Teatro Infantil Brinque

A peça é uma adaptação contemporânea da lenda, com a presença de outros personagens marcantes do folclore

Curitiba, 13 de junho de 2017 – Uma das mais famosas lendas folclóricas, “Cuca”, dá sequência à programação do “Festival de Teatro Infantil Brinque – Folclore do Brasil”, em duas apresentações, nos dias 24 e 25 de junho, no Teatro Bom Jesus, às 16 horas. Com realização da Montenegro Produções Culturais e Ministério da Cultura, o Festival estreou em março e segue até julho com mais uma peça. Os ingressos já estão à venda no Disk Ingressos e apenas nos dias de apresentação das peças na bilheteria do teatro: os valores variam entre R$ 10 e R$ 30. Toda a renda será revertida integralmente ao Hospital Pequeno Príncipe.

A lenda clássica ganha uma versão inédita para o Festival, assinada pela “Confraria de Teatro Kromossomos Estranhos” e “Ruído Companhia de Teatro“, e traz uma linguagem mais contemporânea, que engloba música e teatro. Nesta montagem, a bruxa com aparência de jacaré – Cuca -, não está contente em só assustar e comer crianças desobedientes, e decide que é hora de ampliar os negócios. No evento que reúne a Cabra Cabriola, o Homem do Saco e o Curupira, a Cuca promove uma revolução no mundo mágico dos monstros folclóricos, complicando as coisas para as crianças e seus pais. “A peça traz uma divertida aventura que aproxima crianças e adultos, estimulando a construção de espaços de afetividade e diálogo entre pais e filhos”, avalia Tiago Luz, diretor e autor do espetáculo.

Segundo ele, a peça se comunica tanto com a plateia infantil quanto com os pais e famílias que compõe o público do festival, cujo enredo se preocupa em reforçar o caráter pedagógico do folclore e apresentar reflexões acerca da relação entre pais e filhos, incentivando o diálogo e a proximidade entre eles. “Nossa pesquisa consistiu em dar novos sentidos, contextualizar esses personagens ao repertório lúdico das crianças de hoje, para divertir ao mesmo tempo em que retoma as funções educativas dos mitos folclóricos”, explica Tiago, destacando que, mais uma vez durante esta temporada do Festival, o espetáculo tem um grande elenco, escolhido em uma audição.

O roteiro brinca com diferentes interpretações de texto, dirigindo a leitura da peça para adultos e crianças. Cleide Piasecki assina mais uma vez a coreografia e preparação corporal do grande elenco, intercalando as cenas com música e movimento. Ricardo Alberti desenha a cenografia do espetáculo com elementos que compõe o enredo e garantem uma atmosfera sombria para receber um dos nossos personagens folclóricos mais populares.

A próxima e última peça será “Mula Sem Cabeça”, nos dias 29 e 30 de julho.

 

Serviço:

Festival de Teatro Infantil Brinque – Folclore do Brasil

Peça “Cuca”

Data: 24 e 25 de junho (sábado e domingo)

Horário: às 16h

Local: Teatro Bom Jesus (Rua 24 de maio, 135 – Centro – Curitiba PR)

Valores: R$ 10 (válido para os 100 primeiros ingressos vendidos antecipadamente), R$ 15 (meia-entrada) e R$ 30 (inteira). Ingressos disponíveis na bilheteria do teatro apenas nos dias de apresentação das peças ou pelo Disk Ingressos (Loja Palladium e quiosques instalados nos shoppings Mueller e Estação ou pelo sitewww.diskingressos.com.br).

Informações: (41) 3315-0808/ 2105-4034

 

Ficha Técnica

Texto e Direção: Tiago Luz

Elenco: Kauê Persona, Nathan Milléo Gualda, Renet Lyon e Taciane Vieira   

Assistência de Direção e Coreografia: Cleide Piazeck

Composição Musical: Eugênio Fim e Tiago Luz

Cenografia: Ricardo Alberti

Assistência de Cenografia: Monique Marques

Figurino: Felipe Custódio

Costureira: Mary Passos

Iluminação: Luiz Nobre (Carioca)

Direção de Produção: Daniel Valenzuela

Assistência de Produção: Márcio Junior

Produção: Ruído Companhia de Teatro e Kromossomos Estranhos

Apoio: Pé no Palco Atividades Artísticas

Direção geral do Festival: Carolina Montenegro

Produção Executiva do Festival: Silvia Yokoyama

Produção Técnica do Festival: Filipe Castro

Composição trilha sonora do Festival: São Saruê Label

Assistentes de produção do Festival: Camila Guanabara e Odete Montenegro

Fotografia: Amanda Vicentini Simonetti

Criação de Arte: Editorial Design

Assessoria de Imprensa: IEME Comunicação

Realização: Montenegro Produções Culturais e Ministério da Cultura

Comente