II FESTIVAL DE TEATRO INFANTIL “ERA UMA VEZ…ERAM DUAS, ERAM TRÊS”

O projeto é sequência do I Festival de Teatro Infantil “Era uma vez…Eram duas…Eram três”, executado em 2014, em Curitiba.
A 2ª edição do festival traz a releitura de cinco contos de fadas, adaptados ao fazer teatral sob inspiração da estética do teatro para crianças de todas as idades.
 
 

Clique aqui e acesse mais informações do projeto

 

 

Programação:

 

Alice no país das maravilhas

A história de Lewis Carroll “Alice no País das Maravilhas” relata os momentos de aventura devido a curiosidade de uma menina chamada Alice. A curiosidade da menina  a leva viajar por várias aventuras em um lugar fantástico povoado por criaturas peculiares e antropomórficas, revelando uma lógica do absurdo característica dos sonhos até voltar para o mundo real.

 

 

Peter Pan

A história de Peter Pan um pequeno rapaz que se recusa a crescer e que passa a vida a ter aventuras mágicas. As crianças  Wendy, João e Miguel e sua cachorra chamada Naná, que é muito mais uma babá das crianças do que um cão comum. Conhecem Peter Pan e sua amiga Sininho, e irão ensinar as crianças a voar e as levará para a Terra do Nunca, prometendo amigos e aventuras que eles jamais iriam esquecer.

 

 

Os Três Mosqueteiros

A história se passa no ano de 1625 e fala sobre um jovem de nome D´Artagnan que deseja tornar-se um dos Mosqueteiros do Rei e sai de sua cidade Gasconha rumo a Paris. D’Artagnan duelava com Athos em uma briga com os guardas cardeais e que ordenavam para que os mosqueteiros entregassem suas armas, mas eles se recusaram e juntaram forças com D’Artagnan, nascendo ali uma grande amizade. Ao saber do ocorrido e por gostar de seus mosqueteiros o Rei Luís VIII os perdoa e entrega 40 Pistolas (dinheiro da época) em forma de reconhecimento pela valentia. Após muitas batalhas travadas D’Artagnan é nomeado mosqueiro e tenente pelo Cardeal.

 

 

Pinóquio

Esculpido a partir do tronco de uma árvore por um entalhador chamado Geppetto numa pequena aldeia italiana Pinóquio nasceu como um boneco de madeira, mas que sonhava em ser um menino de verdade. Um dia uma fada ouvindo os pedidos do boneco decidiu dar a vida a ele com a condição de que ele não poderia falar mentiras e se a obedecesse ela o transformaria em menino.
Os Três Porquinhos

Homero, Heitor e Cícero (Fifer Pig, Fiddler Pig e Edmund Pig (em inglês)- e um lobo mau, cujo objetivo era devorar os porquinhos.

Os irmãos porquinhos ao decidirem sair da casa de sua mãe foram construir cada um à sua própria casa. Cícero, o mais preguiçoso, não queria cansar e decidiu construir uma cabana de palha. Heitor, construiu uma cabana de madeira, enquanto Homero optou por construir uma casa melhor estruturada, com cimento e tijolos. Como a sua casa demorou mais tempo para ser construída, Homero muitas vezes via os irmãos brincando enquanto se esforçava para terminar o trabalho. Até o dia que chega um lobo faminto na floresta que aparece para assustar os irmãos nessa aventura.

 
 
 

Local de realização: Teatro Bom Jesus