Uma cadeira e todas as suas dobras

Gaurav Nanda possui o gênio da criação. Enquanto criança, numa infância passada nos subúrbios de Detroit, inquieto, cultivava-se construindo, modificando e destruindo todo o tipo de coisas – um ciclo que o prepararia para as etapas seguintes. O tempo correu e o lugar como designer na General Motors fez com que passasse grande parte da sua vida embrenhado no mundo automóvel, mas não seria esse o fim do percurso. Agora em Los Angeles, continua a criar, mas algo ligeiramente diferente. Bend Seating, a sua recente empresa, produz mobiliário para interior e exterior alinhado com o estilo de vida moderno. Por agora, as cadeiras – metálicas, de arame – são o seu foco. Como não será difícil imaginar, cada uma delas implica uma boa quantidade de trabalho manual, empregando uma técnica à qual chamaram “bending” (dobrar). Essencialmente, os componentes individuais (o arame) são moldados por uma máquina, de forma a que cada dobra fortaleça o metal ao invés de o enfraquecer, assegurando assim a solidez da estrutura. Por fim, são aplicados numa fábrica na China, com a precisão que nenhuma outra iguala, à mão, entre 300 a 400 pontos de solda. A cadeira está, então, quase pronta.

Já nos EUA, as peças são polidas e recebem um revestimento que as prepara para resistir aos elementos e garante a sua durabilidade. É sempre interessante ver surgir um designer talentoso com uma nova abordagem a um objeto comum ou ultrapassado. E mais surpresas estão para vir. A coleção Bend Seating por Gaurav Nanda pode ser encontrada online. Quem quer renovar os móveis lá de casa?

Menu